Seu depoimento é muito importante para nós! Por favor forneça sua valiosa opinião. Aqui estão alguns depoimentos dos nossos atletas:

“MEU INICIO ÀS CORRIDAS DE RUA E O PORQUÊ
Era meados de 2011, eu Antonio José, com 53 anos de idade, totalmente sedentário, pesando os indesejados e incômodos 104 kg, estava determinado a mudar meu estilo de vida. Pois bem; após consulta com o cardiologista, o mesmo disse-me que, por conta do meu sobrepeso eu era um forte candidato a sofrer o famigerado AVC; o Infarto, o diabetes, “determinando” que perdesse ao menos 10 kg. Nossa! Que susto!!

Isto posto, após realizar os exames de praxe por ele solicitado (ergométrico e eletro), ingressei numa academia e lá, sob a supervisão do expert, iniciei meus exercícios correndo na esteira, posteriormente unifiquei com a musculação e natação, vindo em 30 dias perder meus primeiros 5 kg- (ufa! que legal!).

No inicio de 2012, já com 8 kg a menos, veio o convite do professor para a minha primeira prova de rua, consistentes em correr 5km. Que sofrimento! Que sufoco! mas a conclui, e conquistei minha primeira medalha! Minha primeira vitória! Doravante resolvi não interromper meus treinamentos, notadamente as corridas (xô sedentarismo), de tal sorte que vieram e participei de inúmeras provas de 10 km; 15 km e 21.100km, ocorridas em SP; RJ; BH.

Nessa toada, e não satisfeito com a minha performance, pois objetivava outros desafios nas pistas, sobretudo reduzir meu peso para 88 kg, sobreveio, por meio do nosso colega e maratonista Ivan Soares a feliz oportunidade de conhecer a Assessoria Esportiva Meditação, capitaneada pela Profª. Thais, a qual comprometida com as pretensões dos seus alunos (o que eles almejam com as corridas) introduziu nos treinamentos os fundamentos da corrida de rua, tais sejam: A passada correta; os movimentos dos braços, a postura e a respiração (eu não os tinha na academia), de tal sorte que participei e bem de outras meias maratonas em SP; RJ; Buenos Ayres; a São Silvestre de 2016, a meia no Chile em 02/abril pp., esta última com os meus amigos e maratonistas Ivan e Edvaldo, ressaltando, inclusive, que na prova do Chile baixei meu tempo em 15 minutos da última meia que participei no RJ.

Nessa esteira, consigno que além de ter atingido meus principais objetivos (abolir o sedentarismo e, por conseguinte reduzir meu peso dos 104 kg para 89 kg), muitas foram as amizades que conquistei na Meditação (para mim uma família), quer no espaço, USP, quer no Toronto, Parque do Povo, haja vista que as pessoas que fazem parte da nossa querida assessoria têm o mesmo propósito que eu, cuidar da saúde – buscando qualidade de vida!

Quero também registrar, a guisa de finalizar este singelo depoimento, que almejo correr uma maratona por completa, a qual por certo e o bom Deus querendo conseguirei, bastando, para tanto, seguir a risco as orientações da querida profª. Thais, sumidade no assunto.

Abraços e agradecido fico com a referida teacher e aos também teachers: Izabel; Bira; Flávio e o prestativo estagiário Gustavo. Agradeço, igualmente, aos (as) colegas da família Meditação, que nos treinos e nas provas são sempre solícitos um para com o outro, apoiando, dando força, etc. <

Boraaaaaa correr pela saúde e receber bem a terceira Idade!! 26/04/17.
 
Data da Postagem: 26 Abril 2017
Postado por: Antônio José
Me inscrevi numa academia após um susto médico e comecei a perder uns kilos, porém conheci um rapaz que geralmente fazia esteira comigo e mesmo com uma "barriguinha" sobressalente, ninguém corria o tempo de esteira que ele, e aí me contou que estava se preparando para uma meia maratona e já interrompi, "como a São Silvestre"...rs, hoje em dia, perdi a conta de quantas vezes tive que esclarecer a diferença da SS para as demais corridas..rs.

Não demorou muito e em um dos treinos que fazia no Parque Toronto conheci a Thais, que já chegou dizendo, "gosto de gente com metas definidas", após dizer que sonhava em fazer uma SS. A determinação e a atenção dispensada por ela me agradou, pois sabia o quanto poderia me ajudar em alcançar meus objetivos, onde na época, sonhava em um dia correr a tão famosa São Silvestre (SS), algo inimaginável até então.

Já corri a minha SS, não uma mas duas vezes, e este ano vem a terceira e acabei descobrindo o prazer da corrida e tudo o que ela agrega as pessoas que se dispõem faze-la, permitindo que se torne peça importante nas vidas das pessoas. Hoje não me vejo mais sem correr, a corrida se tornou importante para mim e quando algo se torna importante a você, adaptamos nossa vida a ela. Correr melhorou minha saúde, meu humor, adaptou meu corpo e é uma grande terapia para o stress, além do mais correr faz amigos e como grande parte dos corredores, são gente boa.

Meu nome é Sandro Yokomizo, trabalho com logística, moro no Jaraguá e já corro há 2 anos e meio.
 
Data da Postagem: 23 Abril 2017
Postado por: SANDRO YOKOMIZO
Em Abril de 2015, depois de uma prova mal sucedida, que acabou acarretando em uma lesão, tomei a decisão de ingressar na Meditação Assessoria Esportiva.

Nesta época meu objetivo era apenas estar bem condicionada para fazer os 10km. Comecei a seguir as planilhas, a participar dos treinos de corrida, dos funcionais, dos educativos e poucos meses depois fiz os primeiros 16km! Como correr estava ficando cada dia mais divertido, encarei a preparação e fiz a minha primeira Meia Maratona! Foi uma delícia! Não conseguia acreditar que eu tinha feito 21km e estava tão bem no final da prova. Depois disso, meu foco foi os 21km, distância que definitivamente me conquistou!

Até que...apareceu o Desafio do Dunga!

Conversei com a Prof. Thais e decidimos…meu treinamento seria para completar o Desafio do Dunga, que consiste em realizar 5km, 10km, 21km e 42km em quatro dias seguidos, em Janeiro de 2017!
Com as planilhas, as orientações da equipe da Assessoria, os simulados, os longões, a participação, incentivo e energia de toda a turma, o Desafio foi cumprido com sucesso!!!!!
Agora, além de ser uma Maratonista, eu sou Dunga! Foram 78 km de pura emoção e diversão!

Obrigada a Meditação Assessoria Esportiva e a todos que estiveram comigo e contribuíram para que este sonho se tornasse realidade! Que venham os próximos desafios!!!!

Renata Grecca
 
Data da Postagem: 23 Janeiro 2017
Postado por: Renata Grecca
Galera, queria dizer que fiquei super emocionada e até chorei (claro que ninguém viu!).

A sensação de cruzar a linha de largada foi algo espetacular pra mim, mas cruzar a linha de CHEGADA foi algo único, o importante é que fiz o MEU tempo! Só eu sei o valor do meu esforço, só eu sei o que dizia a mim mesma durante o percurso.... Fiquei orgulhosa de mim e, de coração, quero agradecer à Mariza, Baroni, Fabíola e principalmente à Anny que me motivou até o último minuto, eu agradeço às Alessandras e a Cá! Eu escolhi a família certa! Quero estar com vocês por muitos e muitos anos! Obrigado família Meditação!

Monica Martins, sobre sua primeira prova, a Corrida Anjos do Bem.
 
Data da Postagem: 29 Março 2016
Postado por: Monica Martins
Meu nome é Marcia Ugeda tenho 53 anos, várias vezes tentei correr mas nunca consegui. Sempre que estava caminhando pelo condomínio, via a Thais e o Gui, meus professores, andando. Ela até me chamou algumas vezes para caminhar com eles mas relutei. Um dia, falando com meu esposo como gostaria de correr mas que achava que já era tarde por causa da idade, ele sugeriu que procurasse a assessoria. Então criei coragem e hoje estou correndo! Os professores me fizeram perceber que quando se tem vontade tudo é possível, vi que estava

correndo e tinha perdido alguns quilos. No dia das mães fiz minha primeira prova de 5 km e meu filho Thiago me acompanhou para dar uma força e todos do grupotambém me apoiaram muito. Foi uma sensação que não vou esquecer quando cheguei na reta final e ouvi: “Você chegou Marcia”. Por isso, digo que não podemos desistir do que queremos. Um dia vou chegar aos 10km junto com eles, é muito bom saber disso .

Moradora do Portal dos Bandeirantes
 
Data da Postagem: 26 Junho 2014
Postado por: Marcia Ugeda
Comecei a correr no inicio de 2009 com o incentivo do pessoal da empresa em que trabalho, alguns já corriam e contavam suas "façanhas". No inicio achava curioso, como eles participavam dessas corridas? na velocidade ou distancia que diziam. Encarei o desafio, de uma forma que acreditava ser a correta, coloquei um tenis, bermuda e camiseta, entrei em um destes diversos sites com indicações de como correr (planilhas) e comecei, no inicio era tudo maravilhoso, metros sendo engolidos (!!!!) e eu acreditando que estava realizando um grande feito!
Manhã seguinte, dores em musculos que eu nem sabia que existiam, bolhas nos pés, resultados de falta de conhecimento e orientação.
Após muito treino e algumas provas de rua onde o resultado do corpo era quase o mesmo do inicio, decidi buscar o orientação da Assessoria Esportiva onde as orientações sobre aquecimento antes e pós treino, modalidades de trotes e corrida, como superar as temidas subidas, treinos de respiração, qual o tenis mais adequado para minha pisada , vestuario adequado e algo muito importante, os treinos isometricos que ajudam no fortalecimento muscular, ajudando e muito no resultado dos treinos e corridas.
Com isso já consegui realizar alem de diversas provas de 5 e 10 Kms, 2 provas de 10 Milhas (16 Kms), 2 São Silvestres e 1 Meia Maratona ( 21 Km)
O objetivo deste ano é, alem das provas de 10 Km, mais duas Meias Maratonas e vou conseguir com a ajuda da Assessoria Esportiva.
Marco Aurelio morador da Fase 4
 
Data da Postagem: 22 Junho 2014
Postado por: Marco
Comecei em 2006 a correr, pois queria praticar uma atividade física. Fiz algumas provas de 5km e 10 km, fiz uma São Silvestre, mas subi a Brigadeiro andando. Em 2008, tive um problema familiar seríssimo, no qual eu tinha tudo para entrar em uma depressão profunda. Refleti e decidi, que não iria me entregar e que em hipótese alguma iria tomar remédio para depressão. Neste momento, a corrida despontou em minha vida como elemento motivador de superação pessoal. Na época não fazia assessoria esportiva, corria sozinha após o trabalho. Decidi que ira fazer uma prova de 21 km/meia maratona, e que iria correr até aguentar, quando cansasse iria andar. Surpreendentemente, corri no meu ritmo e cada kilometro que completava me sentia mais feliz e motivada a me superar e completar o próximo, terminei a prova correndo e chorando. Porque, ali acabava de cruzar a minha linha da superação pessoal, e comprovei a mim mesma, que posso aquilo que quero e me esforço para alcançar.
 
Data da Postagem: 22 Junho 2014
Postado por: Gabriela
O QUE A CORRIDA FEZ POR MIM!

Eu nunca achei que me encontraria em algum esporte, tinha preguiça só de me imaginar fazendo. E aí faz aproximadamente sete meses que eu mudei de vida, de pensamento, de tudo, me apaixonei pela corrida. A corrida me trouxe saúde, Esperança, Amizades, é minha válvula de escape, minha paixão e ainda de quebra mudou meu corpo, perdi peso e ganhei novas curvas. Já fiz varias provas de 5k 7k 10k incluindo a São Silvestre 15k, um sonho, uma experiencia unica, fiquei muito emocionada ao completar a prova que eu achava que nunca faria, ali eu descobri que eu seria capaz de tudo.

E então agora estou me preparando para meia maratona do Rio em agosto 21k. Tudo isso sempre com a assessoria, tomando os devidos cuidados para não sofrer lesões. A corrida, para mim, é bem-estar, é prazer e uma corrida comigo mesma. Eu recomendo.

Meu Nome é Jane Barbieri, sou dona de casa, moradora da fase 4
 
Data da Postagem: 22 Junho 2014
Postado por: Jane

<1 Próximo Último >>

Página 1 de 1


Inclua seu depoimento
*Campos obrigatórios.
Seu nome:*
Endereço de Email:*
Sua Foto:
Imagens não podem ser maior que 600x600 px and 250 kb
Código de Segurança:
Digite o código aqui:*
Nos envie seu depoimento:*